Últimas Notícias

Colunista da Globo chama pessoas do Norte e Nordeste de ''cegos, surdos e mudos''.

(Foto divulgação)
A colunista Eliane Cantanhêde, do jornal O Estado de São Paulo, em seu artigo diário que é replicado via rádio para todo o país, revelou nesta sexta, dia 1º, uma carga preconceituosa e discriminatória contra os pobres e miseráveis que vivem no Amazonas e nos demais estados do Norte e Nordeste.


Interpretando números de uma pesquisa nacional sobre como o juiz Sérgio Moro é avaliado na comparação com políticos de ponta e até ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), Eliane afirma que o magistrado perde mais pontos nas classes D e E da parte de cima do Brasil.


“É justamente no Norte e no Nordeste que o PT e particularmente o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva são campeões de voto e têm os mais fiéis seguidores, cegos, surdos e mudos para quaisquer revelações da Lava Jato, que opõem Moro a Lula. Ali [nortistas e nordestinos], a versão de Lula vale mais do que os fatos de Moro”, diz ela em um dos trechos do artigo.

(Foto divulgação)
A visão preconceituosa da colunista consegue pinçar dentre os menos favorecidos do país um grupo mais segregado do que a própria segregação econômico-social já impõe a esse universo de brasileiros.