Últimas Notícias

Vereador evangélico pergunta se Anitta é cantora ou prostituta.

(Foto: Divulgação)
Um político, mais precisamente o  vereador da bancada evangélica do Rio de Janeiro, Otoni de Paula Jr, do PSC, fez uma postagem no Facebook bastante polêmica.  O integrante do Partido Social Cristão publicou um texto em que questiona o comportamento de Anitta. O título: Cantora ou garota de programa?



“A que nossas crianças estão sendo submetidas?”, inicia ele no texto que já acumulava mais de 500 compartilhamentos e 1.800 comentários, divididos entre críticas à Anitta e ao vereador, neste sexta-feira, 01 de setembro.

“Anita arrasta multidões de crianças para seus shows, é idolatrada pelos adolescentes de hoje, mas Anitta não tem nenhuma responsabilidade profissional com essa meninada que ela conquistou. Não estou falando de moral, mas de responsabilidade com a imagem. É lamentável ver uma cantora talentosa como Anitta se prestar a isso”, escreveu ele.



A postagem é acompanhada de uma imagem de Anitta. Há também uma retificação de Otoni, que diz ter editado o texto, como informa o jornal Folha de São Paulo.: “Gostaria de pedir perdão pelo termo usado no final desse texto (já mudado
por mim), publicado por minha assessoria, quando disseram que Anitta se comportava desse modo como ‘vagabunda de quinta’. Esse termo foi inapropriado.”

Otoni, que é pastor evangélico, teólogo, casado e pai de 3 filhos e líder da Assembleia de Deus Ministério Missão Vida, em Niterói, ainda fez uma nova postagem afirmando ter recebido uma ligação anônima com ameaças após ter feito a crítica a Anitta.

“Recebi ontem uma ligação anônima me perguntando se eu sabia onde estava me metendo. A pessoa me disse que a guerra era mais séria que eu imaginava, e desligou. Então, a guerra começou!!!”, diz ele.